in

Nubank divulgou um estudo sobre as compras online com cartão de crédito

As compras realizadas pela internet superaram e muito, as projeções que são feitas pelo Nubank.

As compras realizadas pela internet superaram e muito, as projeções que são feitas pelo Nubank. No entanto, estava previsto para o mês de abril de 2020, que essas compras online iriam superar 34% dos gastos com cartão de crédito e não foi o que aconteceu. Esse percentual chegou em 45% e em que, quase metade das vezes um cliente dessa fintech passou o cartão em uma compra feita online.

O que sobra desse percentual, ainda é feito de forma presencial. É um fenômeno que já se mostra como uma tendência que é irreversível. O percentual de gastos com as compras feitas online no cartão de crédito e que está sendo observado ainda no ano de 2020, era esperado somente para o ano de 2023. Foi o que registrou o Nubank em um estudo recente.

O Data Nubank  

Ele é uma plataforma que é de pesquisas e de análises sobre finanças do Nubank, que é um banco digital e independente, para que sejam trazidas informações que sejam de confiança e de forma que possam ser objetivas e transparentes, para que seja facilitado o entendimento dos assuntos que estão relacionados ao bolso do brasileiro e também ao uso do seu cartão de crédito.

Em 7 meses no ano de 2020, os gastos com o cartão de crédito e até com o virtual, nas compras feitas online avançaram muito e saíram de 29.8% para 35,7% registrado até o mês de agosto de 2020. Contudo, os impactos dessa pandemia influenciaram o cotidiano das pessoas em muitos aspectos e inclusive no financeiro.

Com base nos mais de 30 milhões de clientes do Nubank, de todas as faixas etárias, de gênero ou de renda, a pandemia deu uma acelerada no processo de digitalização ou de inclusão financeira no Brasil. De acordo com o Banco Mundial a inclusão financeira é o acesso a produtos e serviços financeiros que são mais úteis ou acessíveis, mas que devem ser entregues com responsabilidade e segurança para as pessoas.